*

Solicite agora seu PRESENTE DIFERENTE Acrósticos e Poesias personalizados clique aqui com a comodidade e segurança

Pesquise no blog ou na Web

Dicas: volta às aulas


Volta às aulas 

E agora José? 


Material escolar 


Sempre somos acometidos de um desespero quando chega a famosa " volta às aulas", não é mesmo?
E para quem é marinheiro de primeiro viagem? 
Nossa! parece que não é bem um desespero que acomete os pais, e sim incredulidade. 
Não compraram nem metade da lista de material e já gastaram algo que não previam. 

Parece absurdo, mas não. A "culpa" se é que há alguma, acaba sendo dos próprios pais. 
Vivemos hoje num mundo consumista. Isso é fato. Tanto já se falou nisso, que ninguém mais liga para o assunto. 

Resolvi escrever este artigo, pois tenho visto algumas pessoas falando a respeito da volta às aulas. 
Aqui em casa temos um "herói". Vinicius, ele tem 9 anos de idade, este ano irá cursar o 5º ano de ensino fundamental. Para os mais antigos  a 4ª série mesmo. (rs)


Vinicius Evento do Colégio Liceu 
Teatro Eva Wilma
Peça : A Bela e a Fera 


Vinicius 
Aluno Liceu Camilo Castelo Branco



Porque falo no nosso herói?
Somos uma família como tantas, que lutam para sobreviver. O trabalho é nossa fonte de renda. 
Ele conquistou pela segunda vez, uma bolsa de estudos de 100%, no colégio Liceu Camilo Castelo Branco, onde teve 49 acertos das 50 questões aplicadas na prova seletiva. Mais a redação que também contava pontos. 

Mas o que isso tem haver com material escolar? Calma, chegarei lá. 

Como disse anteriormente, somos uma sociedade consumista. Mais do que consumista, somos comparativos. O que fazer diante de uma situação, onde as crianças levam para a escola, aquilo que acreditam ser o importante, em termos de material escolar e o seu filho não?

Veja, um caderno com a capa trazendo em sua estampa um personagem, com certeza custará mais caro que um caderno que traz apenas uma figura abstrata. 



No entanto, os pais fazem questão de satisfazer o desejo da criança, e compram os tais  personagens. Sim, os personagens, pois na altura da escolha o que menos importou foi se era um caderno, uma cola, e sim quem estampava o rótulo por assim dizer. 

Onde entra nosso herói, que faço questão de usar como exemplo?

Trabalhamos com ele a conscientização. Ano passado, ele teve todo material solicitado pela escola. 
Na hora da compra, selecionamos em uma grande loja da cidade de São Paulo, que fica na Rua 25 de Março, todo o material levando em consideração, custo x benefício. Isto é, seu valor e sua qualidade. 
Chegamos a comparar o preço e qualidade de produtos com e sem  personagens. 
Não encontramos nenhum que fosse melhor, no muito iguais.
Aqui falo de cadernos, mochilas, necessaire, lápis preto, colorido, canetinhas e afins. 


Economizamos um bom dinheiro de fato. Só que quando você sai disposto a economizar, isso não quer dizer que você deixe o bom gosto em casa. 
Lembro-me bem que trouxemos caderno tipo universitário, de capa dura, com imagens de carros de corrida na capa. 
Não, não eram do desenho "Carros". (rs) vejam abaixo:






Estes cadernos custaram algo em torno de R$6,00 cada, enquanto um caderno com "homem aranha" por exemplo estava custando R$9,90.
Poxa, uma diferença de R$3.90 em cada caderno. 
Eram necessários cerca de 6 cadernos para o ano todo. Logo, uma economia de R$ 23,40.
Com este valor com certeza compramos as tais folhas de sulfite, folha disso e daquilo que eles pedem na lista. 
Pode não parecer, mas a economia, seguindo este critério foi realmente muito significativa. 

E nosso herói? 

Bom ele foi ensinado que, quem vai à escola  é ele. Não são os personagens que vão aprender, adquirir conhecimento, tão pouco resolver seus problemas de matemática. 
O que ficou muito claro neste final de 2011, quando ele conquistou a bolsa de estudos. 

Ensinamos à ele a ter prazer em aprender, a ser curioso, a querer saber sempre mais, quando possível. 

Ah, mas alguém há de perguntar : E a vontade da criança de ter algo de seu personagem favorito? E aquele garoto que vai sentar-se ao lado do seu herói, com seus personagens no material, e ele não?

Bom , o que posso dizer, é que essas crianças, infelizmente, não conquistaram suas bolsas de estudo. Nosso herói sim! 
Ele não sofre por isso. Pois é colocado para ele de forma clara e objetiva, que o importante é se preparar para o futuro. Escola é lugar de estudar. 

Em contrapartida, ele tem sim uma roupa com uma estampa dessas figuras, que preenchem a infância de qualquer criança. Tem jogos, filmes, em fim ele os usa em momentos de lazer. 

Não é privar a criança de sua infância. Mas dar a ela o conhecimento da verdadeira função de cada coisa em sua vida. 

Pais, que por ventura leem este artigo:

- Não tenham medo de dizer não aos seus filhos. O seu não, com certeza será a grande mola, que o impulsionará ao sucesso. 

Saber a hora de dizer sim, é o que faz com que ele saiba valorizar este "sim".

Estudar deve ser um prazer , no entanto não são os personagens e marcas famosas que trarão este prazer ao seu filho. 
O que deve ser trabalhado em sua criança, é o porque ele estuda. O que isso fará diferença na sua vida adulta. 

Mais um detalhe, que pode não parecer, mas influi e muito na economia, é o zelo pelo material. 


Vinicius Maluquinho 



Para se ter uma ideia, apesar de Vinicius desenhar muito, acho até que é a atividade que mais lhe dá prazer, ele chegou ao fim do ano com um jogo de canetinhas em ótimo estado. Suas necessaire também poderão ser reaproveitadas tranquilamente este ano. Os tais cadernos que mencionei e voces viram a foto acima, chegaram ao final do ano inteiros, as capas não cairam. (rs) 

Parecem novos, não? garanto que não são. Capa plastificada realçando os carros de corrida. 


Mais um detalhe, esta é a pasta de material da aula de Educação Artística do Vinicius, fizemos com ele um trabalho manual que poderia ser chamado de "decoupagem" ou customização:  





Você também pode fazer isso com seu filho. Utilize fotos de personagens e encape os cadernos, pastas. Além de gastar bem menos, você agrega o prazer de criar algo personalizado. Com certeza só seu filho terá aquela pasta, aquele caderno. 


Temos tido um resultado bem positivo com nosso herói, e isso nos faz crer que estamos no caminho certo. 








****Desculpe se me referi a todo momento ao "seu filho" força do hábito. Se for menina garanto que brincadeira será muito divertida também. 



By 

Solange Vilela












Um comentário:

  1. Ana Paula20/1/12 12:51

    Meu herói...com certeza uma semente que a cada dia esta se tornando uma arvore muito firme...e somos cumplice sim, somos unidos, e minha linda com certeza uma mulher de fibra que eu posso dizer que tenho sorte de te-la ao meu lado... amo vocês.(Ana Paula ou Paula rs)

    ResponderExcluir